Lula sobe mais nas pesquisas, Aécio e Marina caem; Bolsonaro é 2° na espontânea

por Fernando Brito, Tijolaço

Nos cenários mais prováveis da disputa presidencial de 2018, o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, que já liderava em outubro, subiu ainda mais, segundo levantamento da consultoria MDA, encomendado pela Confederação Nacional dos Transportes.

Passa dos 27,6% obtidos  naquele mês para  32,8% agora, quando Ciro não disputa e de 24,8% para  30,5% quando o ex-governador do Ceará é apresentado. Nesta versão, Michel Temer também aparece, se é que se pode chamar assim os seus 3%.

Marina Silva ainda é a segunda colocada, mas cai de 16,5% para  13,9%, sem Ciro, e de 13,3% para  11,8% na segunda hipótese.

Aécio segue caindo. No primeiro cenário baixa de  18,9% para 12,1%. E de  15,7% para 10,1%  quando Ciro está na disputa.

Bolsonaro vai se tornando o candidato da direita raivosa e chega a encostar em Marina Silva e Aécio, sem Ciro na disputa, passando de 7,9% para 12,0%. Com Ciro no páreo, Bolsonaro ultrapassa Aécio, crescendo de 6,5% para 11,3%, em situação de empate técnico com Marina.

Nas simulações de 2° turno, Lula bate Marina por 38,9% a 27,4%; vence Aécio de 39,7% a 27,5%. Não foi feita simulação de 2° turno com Bolsonaro.

Nas menções espontâneas, Lula, que tinha  11,4% em outubro, passa a  16,6%, 10 pontos à frente de Bolsonaro (6,5%) e 14 à frente de Marina e Aécio Neves.

Os resultados completos da pesquisa estão aqui.

Leia::  Delírios do golpismo: na falta de candidato, parlamentarismo já

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *