Rocha Loures, o da mala, cala na PF

por Fernando Brito, Tijolaço

Do G1, agora há pouco:

O ex-deputado e ex-assessor do presidente Michel Temer, Rodrigo Rocha Loures, ficou em silêncio na primeira audiência realizada pela Polícia Federal para ouví-lo, nesta sexta-feira (9), em Brasília.

Preso preventivamente desde sábado (3), por ondem do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Edson Fachin, Rocha Loures foi flagrado pela PF carregando uma mala com R$ 500 milhões em propina entregue por executivo do frigorífico JBS.

O Termo de Declarações, ao qual a TV Globo teve acesso, informa que Richa Loures, “por orientação da sua defesa técnica”, decidiu lançar “mão do direito de permanecer em silêncio.”

O ex-deputado ficou detido na carceragem da PF até a quarta-feira (7), quando foi transferido para o Complexo Penitenciário da Papuda, também em Brasília.

Leia::  STF estaria articulando para evitar delação de Eduardo Cunha

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *